Curon chegou na Netflix, e se você curte séries adolescentes e o gênero do terror/ suspense sobrenatural, certamente esse show vai te interessar.

A Série acompanha Anna, que depois de 17 anos retorna a sua cidade natal… E acaba desaparecendo, então seus filhos gêmeos, Mauro e Dária rodam o local em sua procura, e acabam descobrindo muitos segredos do lugar e principalmente da sua família.

Toda essa atmosfera sobrenatural de voltar para a cidade que nasceu, e ela geralmente é um vilarejo, ou uma cidade de interior beira o clichê do gênero, não é mesmo? No entanto, Curon te dá uma bagagem a mais, quando é sabido que o local, “sinistro”, onde a série foi filmada, realmente existe. Arrepiou né?

Pois bem, podemos dizer então que o show vai muito além de sua sinopse, pois mescla eventos reais da pequena cidade do Norte da Itália com a ficção, acerca de uma possível maldição existente no lugar, onde, sempre que alguém ouve o sino da igreja submersa tocando, um igual a ele surge no Rio, a fim de, tomar seu lugar, e se apropriar da sua vida.

A série criada por Ezio Abbate, Ivano Fachin, Giovanni Galassi e Tommaso Matano, muito se assemelha a um conto sobrenatural, inclusive sua narrativa, nos leva a crer nisso.

Curon trata muito sobre sentimentos reprimidos, e o que eles nos tornam como pessoa, quando veem a tona, no caso o Doppelgänger. Isso fica nítido, quando conhecemos, de fato, quem são as cópias.

A Dinâmica entre os gêmeos Dária e Mauro é realmente muito boa, e ambos se complementam, enquanto um é explosivo, outro é contido… Contudo é possível sentir uma carga de ressentimento e ausência de atenção, que precisa ser suprida, de alguma forma.

Curon é uma série para consumir lentamente, e compreender suas nuances, possui altos e baixos, mas no conjunto é uma grata surpresa, e foge do que costumamos ver em séries adolescentes. Vale a pena conferir.

Curon já está disponível na Netflix.

Veja aqui algumas curiosidades sobre a série.

VEJA MAIS SOBRE SÉRIES