#CPBR7: Mapas culturais

-por , em 29/01 -
#CPBR7: Mapas culturais

Ontem aqui na CPBR rolou uma palestra no Palco Michelangelo que me chamou bastante a atenção e me apresentou um projeto muito legal que eu gostaria de dividir com vocês: a criação de mapas culturais. Hoje existem diversos aplicativos baseados em mapeamento por segmento (restaurantes, táxis, cinemas, etc) e encontrar algum tipo de serviço ficou muito fácil. A palestra ministrada por Filipe Lavignatti do Arte Fora do Museu mostrou como isso pode utilizar a cultura de rua.

Arte Fora do Museu surgiu com a ideia de mapear os locais públicos que contenham obras de arte. Para o mapeamento são considerados grafites, pinturas, esculturas e qualquer coisa que possa ser considerada arte. Uma característica interessante é que se trata de um mapa colaborativo, ou seja, qualquer pessoa pode contribuir se avistar algo que possa entrar para o mapa. E mais: tem aplicativo para celular, virou exposição itinerante e roda em software livre. O site é dividido em categorias (escultura, grafite, arquitetura, etc) e ainda é um espaço para que artistas de rua divulguem seus trabalhos.

Na mesma onda de mapeamento de cultura, por assim dizer, ainda conheci o site Mapas Culturais, que além de mapas com temas diversos, também reúne alguns mapas graficamente interessantes e sofisticados. Dando uma fuçadinha lá, separei alguns bem legais:

Mapa do Skate – Skatesquare, mapa colaborativo desenvolvido por – adivinha! – skatistas que apontam locais para a prática do skate. Além de localizar pistas, também encontra lojas de equipamentos e materiais para o esporte e eventos relacionados.

Bob Dylan – Bob Dylan´s World é um dos mais legais e nem é porque eu sou fã do Bob. O mapa reúne todos os lugares do mundo que foram citados em uma canção dele, a música, álbum e letra correspondente. Sim, tem o Brasil.

Bob Dylan´s World

Sensações paulistanas – Mapa das sensações – São Paulo não é exatamente uma novidade aqui em São Paulo já que foi lançado a algum tempo pela SPTuris, que é responsável pelo turismo aqui na cidade. A ideia é relacionar pontos da cidade com os cinco sentidos e é uma ideia bem legal pra quem acha que não tem turismo aqui só porque a cidade é cinza e cheia de concreto. Único probleminha é que não está atualizado desde 2009 – e aí, SP Turis????

Pra quem gosta de mapas, dêem uma olhadinha, é bem legal  🙂

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você