#Cpbr5 ~ Os Filhos da Internet

-por , em 13/02 -
Definitivamente, umas das palestras mais esperadas da Campus Party Brasil 5 ~ Os Filhos da Internet trouxeram ao palco principal do evento muito humor, assuntos polêmicos e esclarecimentos sobre ilusões que o público tem quando se trata de web celebridades.
Os participantes do debate – Rafinha Bastos, PC Siqueira, Rodrigo Fernandes, Mauricio Cid e Rosana Hermann foram mediados por Bia Granja ao discutirem sobre o que é e o que não é politicamente correto na internet.
Diferente do que muitos pensam, a maioria dos sucessos bombásticos da internet não surge de um projeto planejado e super organizado. Rafinha Bastos, por exemplo, disse durante o debate que iniciou suas atividades internáuticas em 1999 quando percebeu na grande rede uma oportunidade de não depender mais de emissoras de TV e uma grande chance de sair do Rio Grande do Sul. Seguindo as super histórias de sucesso não planejado, Rosana disse que entrou para o mundo virtual logo após ser demitida da TV, quando registrou o domínio farofa.com e com três meses foi convidada para trabalhar para agências.
Cid, do Não Salvo contou mais uma vez sua hilária história de sucesso não planejado. Ele era dono de 1024 comunidades no Orkut (bons tempos hein Cid?) e uma delas acabou por aparecer no Fantástico por estar relacionada ao cantor Michael Jackson e à pedofilia. Ele começou então a ser investigado pela Polícia Federal e apagaram seu perfil, assim nasceu o blog – Não Salvo.
PC Siqueira e Rodrigo do Jacaré Banguela estiveram muito contidos no palco já que o conteúdo ficou muito direcionado aos causadores de polêmica. PC até tentou polemizar dizendo que na maioria de suas mensagens ele tenta causar a terceira guerra mundial e não conseguiu sucesso até hoje nisso.
Rafinha e Cid com certeza roubaram a cena com suas histórias de processos judiciais, polêmicas causadas e respostas ao público presente. Rafinha, com seu jeito de fazer piada com praticamente tudo, acaba sendo muito mais carismático pessoalmente do que na TV e em seus vídeos.
O debate foi um momento descontraído da Campus Party 05, um grande grupo de espectadores se reuniu na frente do palco principal e durante algum tempo sorrimos e nos divertimos com as histórias dos participantes. O mais engraçado é que a maioria das histórias de processos e acusações eram, de certa forma, negativas para os integrantes do debate, mas nem assim eles perdem o bom humor e a satisfação de fazer o público sorrir.
Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você