Simplesmente fantástico! Não tenho outra definição para Get the gringo. Simplesmente, espetacular. Prende a atenção de todos do início ao fim, trama curiosa e extremamente viciante. Amei muito esse filme. Meio forte as vezes, confesso, virei o rosto, gemi, reclamei… Mas não conseguia deixar de ver, nem as piores cenas. Roteiro muito bem feito, falas muito bem escolhidas e elenco… Nem tenho palavras para o elenco. Bom demais!

 

Vamos a Sinopse oficial: Mel Gibson volta ao gênero que o consagrou nos cinemas em Plano de Fuga. A ação conta com direção de Adrian Grunberg, que foi assistente de Gibson em Apocalypto, em 2006. Na trama, o ator interpreta o criminoso Driver. Fugindo da polícia americana depois de assaltar um banco, ele atravessa a fronteira com o México, onde acaba sendo capturado pela polícia local. Jogado numa das prisões mais violentas do mundo, controlada por bandidos e policiais corruptos, ele contará com a ajuda de um garoto de 9 anos para sobreviver atrás das celas e planejar sua fuga.

 

A história é simples assim mesmo, objetiva e muito clara… O cara é bandido e é preso por policiais mexicanos corruptos. Só que por mais corrupto que você seja, sempre terá alguém muito mais corrupto do que você e essa é a trama principal do filme, a rede de corrupções tem suas hierarquias e regras e se você quer se infiltrar nela, ou precisa ser muito esperto e enganar todo mundo, ou tem que se adaptar. Qual opção você acha que Mel Gibson escolheu?

 

A história tem seu lado dramático, mas ao mesmo tempo extremamente realista e apaixonante. Você compreende a posição de praticamente todos os personagens e isso facilita muito o entendimento da trama. Não vou ficar aqui dando spoiler porque realmente considero este um filme digno a ser indicado. Vale muito a pena assistir e prestar muita atenção nas cenas relacionadas aos valores pessoais de cada um dos personagens!

Compartilhe: