ATENÇÃO, ESSA MATÉRIA CONTÉM SPOILERS DO 7º EPISÓDIO DE WANDAVISION

Os comerciais de WandaVision seguem se tornando um marco em cada episódio e nessa semana não foi diferente. Introduzindo o termo Nexus pela segunda vez no MCU, o episódio sugere que Westview é, na verdade, o Nexus de Todas as Realidades dos quadrinhos. O comercial sugere que Nexus é um antidepressivo que pode ser tomado para fugir da realidade em momentos de crise. Após assistir ao episódio ficou mais do que claro que Wanda está enfrentando um momento assim.

Fora da série, o termo Nexus ganha dois significados nos quadrinhos: o Nexus de todas as realidades e os seres Nexus. Ambos os conceitos se enquadram no comercial, nos levando a pensar se realmente temos que escolher um só. 

O Nexus de Todas as Realidades

Nos quadrinhos, Nexus é uma área localizada em Everglades, na Flórida. Lá, a barreira do espaço-tempo está extremamente gasta, permitindo poderosos feiticeiros viajar através das dimensões. Além disso, lá eles conseguem chegar ao auge de seus poderes, usando também os poderes do Nexus como catalisador. Nos quadrinhos, o termo surgiu pela primeira vez quando uma mulher usou um feitiço ançião de um livro proibido de magia. Originalmente, esse lugar é guardado pelo Homem-Coisa, embora fique confuso como essa função lhe foi dada. 

O Nexus é, contudo, mais do que apenas uma passagem. Ele tem um papel muito importante em manter o equilíbrio entre as realidades. As dimensões são mantidas em um estado delicado de equilíbrio, impedindo que realidades alternativas convirjam e destruam uma a outra. Caso esse balanço seja perdido, a estrutura das realidades entra em colapso e milhões de universos poderão colidir entre si. É aí que entra o papel de seus guardiões, como o Homem-Coisa. 

O conceito do Nexus foi introduzido pela primeira vez em Thor: O Mundo Sombrio, confirmando que existem portais que permitem pessoas circular de um mundo para o outro. Loki tentou escapar de Asgard dessa forma, inclusive. Mais tarde, Erik Selvig mostra um mapa em seu quadro, onde podemos ver toda a natureza do Multiverso. Além disso, em Thor: Ragnarok ficamos sabendo que o planeta Sakaar está cituado no centro de uma rede de portais instáveis, que podem ser usados para viajar pelo Cosmos.  

Os seres Nexus

Os quadrinhos também trouxeram um outro fenômeno do Multiverso, os seres Nexus, introduzidos em 1992. Eles são descritos como raras entitades individuais, com poderes para interfetir nas probabilidades e no futuro. Ao longo das histórias, poucos seres Nexus foram introduzidos e consequentemente interagido uns com os outros. Merlin foi um ser Nexus, bem como Kang, o Conquistador. O comercial pode ter indicado que Wanda é um ser Nexus e um dos mais poderosos. 

Em 2013, Elizabeth Olsen comentou em uma entrevista algo que pode ter confirmado a teoria. Ao descrever Wanda, ela usou o termo Nexus para explicar a personagem.

“Ela é o único ser humano desse universo que consegue se comunicar com coisas paranormais de seu passado e futuro em outros universos. Para mim isso é incrível” – comentou. 

Ainda não ficou claro sobre qual Nexus o comercial se referiu, mas quando pensamos no Nexus de Todas as Realidades, temos aí a possibilidade de como WandaVision, Homem-Aranha 3 e Doutor Estranho poderiam colidir em um Multiverso da Loucura. Strange certamente terá um grande trabalho para resolver essa confusão. 

Assine o streaming do Disney Plus e ganhe 7 dias grátis na plataforma para assistir seus filmes e séries favoritas do universo Marvel, Star Wars, Pixar, Disney Animation e muito mais.

WandaVision é exibida semanalmente no Disney+.