Chegamos em Cuzco!

-por , em 13/08 -
Chegamos em Cuzco!

Chegamos em Cuzco Coxinhos! Hoje a manha foi meio confusa e corrida – depois vocês verao porque – mas finalmente chegamos! Ofegantes, mas chegamos! Sério, o que dizem sobre a altitude de Cuzco e os cuidados que temos que ter com nosso corpo ao chegar aqui é pura verdade, nao é história para turista nao. Sentimos como se tivéssemos levado um soco no pulmao, muito chatinho no começo, mas logo logo acostumamos. Para andar qualquer distanciazinha aqui ficamos respirando como se tivéssemos feito 1 hora de esteira, respirando que nem uns malucos, rsss… Mas vale a pena. A viagem é linda desde o aviao, como a chegada em Lima, a mudança de paisagem é uma coisa maravilhosa!

Olha que lindo aqui em cima a vista que tivemos no aviao chegando em Cuzco! A cidade é uma coisinha linda perdida no meio de um vale simplesmente gigantesco, sério! Lá de cima do aviao ficamos assustados com a altitude… Cuzco está simplesmente a 3.300 metros acima do nível do mar… respira aê parceiro! Tá complicado! Uma coisa que alguns amigos que já vieram aqui recomendaram é que nao deixássemos de comer e beber muita água o tempo que estivéssemos por aqui e é uma dica muito válida, porque devido ao frio e ao sentimento pesado da altitude, acabamos por ficar fadigados demais para lembrar disso tudo. Nao caiam nessa de nao comer, seu corpo precisa!

Andando aqui pela ruazinha principal do centro histórico de Cuzco, indo na direçao da Praça das Armas, temos acesso a varios restaurantezinhos e depois de alguns dias no Peru, já passamos a viver a economia local e sabemos o que vale a pena e o que nao vale a pena comer – principalmente com relaçao a grana! Nos restaurantes mais turistinhas, você pode comer uma refeiçao individual por 25 – 30 soles, se procurar um pouquinho melhor, encontra a mesma refeiçao por apenas 10 soles. Fiquem ligamos e pesquisem, aqui tudo é negociavel e pesquisavel. Nao se esqueçam disso. Vejam aqui o que saboreamos em nossa primeira refeiçao em Cuzco.

1 2 3

4 5 6

A entrada foi igual para todos, um pequenino, simpático e saboroso salpicao de frango, mas nao com batata palha como estamos acostumados, e sim batatinhas fritas. Eu já elogiei a batata frita daqui ne? Pois é, adorei mesmo. O mais legal aqui no Peru é que em qualquer restaurante que vá, desde os mais chiques e bonitos até os mais simples e tradicionais, a apresentaçao dos pratos é sempre assim… impecável! Adoro isso!

Minha sopa de entrada foi Minestrone. Achei uma delícia, com pedacinhos de legumes frescos, um temperinho verde bem cheiroso e saboroso e pedacinhos de macarrao! Muito bom! =) Uma coisa legal também é que eles tem essas tradiçoezinhas de comida… Vários pratos, entradas, sopas, prato principal, torna a hora do almoço ou da janta, um verdadeiro passeio pela culinária peruana.

A sopinha que os meninos tomaram foi a de Aspargos. Eu nao quis porque nao curto muito aspargos nao, mas eles disseram que estava maravilhosa. Só digo uma coisa: nesse exato momento, que terminamos de tomar as sopas, já poderíamos levantar e ir embora porque estávamos satisfeitos. Mas e a vontade de comer mais um pouquinho da deliciosa comidinha peruana?

Para o prato principal eu escolhi a Truta porque nao aguentava mais comer frango nesse lugar! Sério, a maioria dos nossos pratos envolvia algum tipo de frango, eu precisava de um peixinho temperadinho com limao, estava delicioso!

Meu marido pediu o Pollo broaster, um tipo de franguinho frito com arroz e batata frita, bem comum, mas ele disse que estava delicioso o tempero! =)

Nosso amigo pediu o famoso e tradicional Lomo Saltado, um picadinho temperadinho de carne com arroz e batata frita, acreditem amigos, pode parecer simples, mas é simplesmente delicioso, de verdade! Bom, é isso Coxinhos, quando vierem ao Peru, preparem os bolsos e o estômago, porque dá realmente vontade de experimentar tudo quanto é prato tradicional e típico daqui! Nao deixem de registrar essas dicas!

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você