Changeling: The Lost

-por , em 22/11 -
Changeling: The Lost
Sempre fui fã incondicional do Mundo das Trevas da White Wolf. E fui um dos raros fãs que aprovaram a mudança radical para o Novo Mundo das Trevas, no início liderada por Justin Achilli para recuperar o foco do que o WoD representou no início de sua criação por Mark Rein.Hagen: A personificação de papéis num nível psicologicamente mais profundo, e na minha opinião eles conseguiram.

Um dos títulos da White Wolf que eu mais torcia para ser traduzido e que retrata muito bem esse “foco” finalmente chegará ao Brasil no próximo mês. ‘Changeling: The Lost’ ou ‘Changeling: Os Perdidos’.
Se tem um título da White Wolf que mudou totalmente do antigo pro novo WoD é Changeling. Ao contrário do colorido ‘Changeling: O Sonhar’, o “Perdidos” aborda o tema de uma forma muito mais sombria e melancólica, o que casa muito bem com o clima “punk-gótico” do Mundo das Trevas. E a Devir, responsável pela tradução do livro liberou nesta sexta-feira o roteiro introdutório de “Perdidos”. Com o título “Vida nas Trevas”, o PDF gratuito contém um resumo do cenário do novo RPG e de todas as regras necessárias para jogar.
“Vida nas Trevas” é um roteiro introdutório semelhante a “O Filho de Maria” de ‘Vampiro: O Réquiem’ e “Um Olhar Para Dentro de Você” de ‘Mago: o Despertar’. Este roteiro vem no formato de uma pequena história, com personagens prontos, para servir de ponto de partida para jogadores e narradores irem se familiarizando no novo cenário. Junto desse roteiro vem um resumo das regras do sistema Storytelling e da ambientação do jogo, de forma que qualquer um possa começar a narrar rapidamente, necessitando apenas de dados de dez faces para rolar os testes [Embora eu ache desnecessário rolamento de dados numa “aventura” introdutória de qualquer título do novo Mundo das trevas].
“Vida nas Trevas” (que como todo livro básico da White Wolf possui uma cidade modelo) passa-se em Miami. A história apresenta cerca de cinco personagens prontos para jogar, representando variados estereótipos de changeling, com características distintas e contém 36 páginas.
Além do roteiro introdutório, a Devir também disponibilizou a ficha de personagem e a ficha cênica dos feéricos.
Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você