TOP 4 bocas bizarras do mundo animal!

-por , em 26/01 -
TOP 4 bocas bizarras do mundo animal!

Sim, vamos falar de coisas bizarras do mundo animal porque, da mesma forma que a natureza faz coisas incríveis, belas e coloridas, ela também trabalha o lado negro com força total, quando está afim! O fato é que encontrei pela internet, vários posts em blogs distintos sobre as bocas mais bizarras do mundo animal e resolvi escolher as 4 mais bizarras (na minha opinião, claro) para mostrar para vocês. Já adianto que achei bizarro mesmo, não é papinho – bizarro tipo D&D, sabe? 🙂 Se você conhecer algum outro animal mais bizarro do que esses, comente lá embaixo, no final dos posts, o nome do animal ou link (se tiver) que eu quero conhecer! Divirta-se, ou não! kkkk

Peixe Bruxa é uma criatura bem esquisita, capaz de produzir grandes quantidades de lodo sufocante. Sua boca é esquisitíssima e é formada por dois pares de tentáculos, internalizados em uma espécie de placa de cartilagem, com duas fileiras de dentes em forma de pente (cada um), e uma língua raspadora!

peixe bruxa

O Peixe Bruxa nem sequer precisa de uma boca, considerando que ele pode comer com a sua pele. O bicho, geralmente, recebe sua nutrição, nadando em águas pútridas em torno de cadáveres em decomposição e absorvendo os deliciosos fluídos que bem dos mortos através de seus poros. O que você faria se encontrasse um desse no mar? 😉

tartaruga de couro

Tartaruga de couro tem centenas de estalactites pontiagudas que se alinham na boca e no esôfago – indo até o intestino. O nome dessas protuberâncias é papila e elas existem porque a dieta da tartaruga de couro consiste inteiramente de águas-vivas e outros invertebrados viscosos. Qualquer um que já tenha se deparado com uma água-viva sabe bem o quanto é difícil de capturá-las e segurá-las, por isso que a tartaruga vem com esse equipamento todo, sua própria armadilha! Elas precisam de um sistema de canalização competente para depositar suas presas diretamente no estômago, pois, com quase zero de nutrientes em uma água-viva, as coitadas têm que consumir cerca de 73% do seu peso corporal por dia.

pinguim

Todo pinguim parece fofo e divertido, quando visto à distância, mas você, por acaso, já abriu a boca de um deles para ver ‘qual é’? Pois é isso aí que você está vendo aqui em cima, a boca dos pinguins é completamente cheia de dente, para tudo quanto é lado! Há dentes em seus bicos, em suas bochechas, em suas línguas e, provavelmente, você pode encontrar mais, se quiser procurar – o que não recomendamos, claro. Eles engolem a comida viva e se contorcendo, por isso precisam, de alguma forma, mantê-las presas e maximizar o sofrimento. Sua língua espinhosa e algumas partes da boca, funcionam como uma correia transportadora para garantir que o alimento vá até o ponto final da digestão, rs.

pica pau

Pica pau tem um super gancho estilo arpão – representando sua língua. Esse simpático gancho possui até três vezes o comprimento do bico da ave e, como sua ponta age como uma lança farpada que empala insetos, acho bom todo mundo manter certa distância, certo? Quando esses simpáticos bichinhos não estão usando suas línguas para alguma coisa, como para torturar suas vítimas, eles enrolam esse treco todo dentro de seus próprios crânios, atrás de seus olhos, e então de volta para a narina – legal né? #sqn

E aí? Você conhece algum bichinho mais incrível e perturbador do que esses? Não deixe de comentar aqui embaixo! Beijos! 🙂

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você