Bistro Box: Cozinha com qualidade!

-por , em 12/07 -
Bistro Box: Cozinha com qualidade!

A moda dos boxes pegou mesmo no Brasil, mas nenhuma delas me deixou mais feliz do que essa maravilha que é a Bistro Box. Todo mês, pessoas do Brasil inteiro, amantes da boa culinária e de bons ingredientes, podem receber em suas casas essa deliciosa seleção de ingredientes, especialmente selecionados para surpreender e deixá-los com água na boca. Em junho recebemos a primeira caixinha e não tinha tido tempo para escrever, mas óbvio que eu precisava contar tudo o que achei. Para começar, os ingredientes valem mesmo a pena – fui pesquisar os preços para lhes recomendar a assinatura, claro, e curti! Na caixa de junho, recebi: Alcaparrones (Marcol), Alho Negro (Alho Mel), Amarettino D’Itália (Vicenzi), Maionese de Azeite (BC Mayonesa) e Massa Fusilli Bucati (Granarolo).

Quando comecei a desenhar um novo projeto de culinária – que vocês ainda verão por aqui muito em breve -, pensei logo que precisava ter um parceiro com extrema qualidade e sofisticação, para os leitores. Entrei em contato com o Gabriel, responsável pela Bistro Box e trocamos várias ideias. Os trabalhos começaram logo e já já vocês poderão curtir um pouquinho do resultado por aqui, por enquanto, vou trazer apenas as dicas dos alimentos que vieram na primeira caixa.

bistro

Uma das coisinhas que mais me chamou atenção na caixa, além, claro, do modelo rústico que ela apresenta quando abrimos, são os cards explicativos de cada produto enviado. Uma verdadeira viagem de volta ao mundo com ideias, explicações e dicas. Um toque de extremo carinho aos assinantes, que faz, inclusive, que a nossa culinária fique muito mais consciente. Vejam só as explicações desse primeiro box delicioso:

Alcaparrones (Marcol): Não entendo como alcaparra é tão comum e o alcaparrão não, eles são muito melhores! O sabor é mais suave do que da alcaparra comum que conhecermos, menos salgado, e a textura mais gostosa. Tem um leve crocantinho ao morder, e algumas sementinhas crocantes por dentro. Originária da região mediterrânea, a planta da alcaparra no Brasil é muito rara devido ao clima.
Fica bom com tudo que a alcaparra é bom, só que melhor ainda. Peixes, carnes, massas, saladas e molhos. Uma dica importante é não se usar no começo de nenhum cozimento, ao contrário seu sabor pode se perder.

Alho Negro (Alho Mel): É dificil imaginar que algum tipo de alho tenha um gosto tão diferente do alho cru que a gente bem conhece, esse é o caso dessa iguaria. O sabor frutado surge devido ao processo de fermentação ao qual o alho in natura é submetido. Nenhuma substância é adicionada, ele fermenta com o controle minucioso de humidade e temperatura. Depois da fermentação, o alho perde o ardor característico, adiquire uma textura mais macia, coloração preta, sabor adocicado e característico, que lembra cogumelos, ameixa e no final, alho. Ele tem propriedades antioxidantes e no Japão é consumido como suplemento alimentar. Uma dica boa é que quando for usar, esquente os dentes descascados em água morna, que ele fica macio e fácil de dissolver. Vai bem com massas, queijos brancos e suaves. Também em pesto com azeite, peixes e aves.

bistro box ingredientes

Amarettino D’Itália (Vicenzi): Biscoito de amêndoa que é bem tradicional na Italia, tem esse nome porque tem um leeeve amargor. Produzido com farinha e licor de amêndoa, lembra um macaron, mas é mais suave e bem crocante. Este que selecionamos é italiano de verdade e é feito com a receita tradicional e as melhores matérias primas. Vai bem como snack, com café e em sobremesas. Se ele durar até você concluir uma. 😉

Maionese de azeite (BC Mayonesa): Uma amiga argentina conheceu a BistroBox e na hora sugeriu a maionese de azeite. Na argentina é comum e toda vez que ela vem ao Brasil ela traz de caixas. Maionese de azeite é assim, desses produtos que quem usa não troca por outro. Ela é mais leve, mais suave, tem gostinho e cor de azeite, e é bem mais saudável. Não se engane com alguma outra que tem apenas aroma artificial de azeite, essa é feita com azeite de verdade e com óleo de girassol. Fica maravilhoso com sanduiches, cachorro quente, como base para molhos e com receitas a base de ovos, massas ou batatas.

Massa fusilli bucati (Granarolo): Enquanto escolhia uma massa para fazer no jantar, vi um casal de italianos discutindo na mesma sessão que eu, e ao final levando vários pacotes Granarolo. Não tive dúvidas e escolhi um da mesma marca. Mesmo sem saber eles me deram uma bela dica.
Essa massa é uma mistura de fusilli (macarrão parafuso) com bucatti (aquele que parece um canudinho comprido). Gosto dela porque seu formato além de ~brincalhão~ é muito eficiente no quesito adesão de molho. Por ser feito de sêmola de grano duro, a massa é consistente e elástica, evitando rompimento e permitindo que fique naturalmente al dente. O Fusilli bucatti Granarolo é também mais amarelinho e mais rico em valor proteico do que o macarrão comum, por causa da semolina.

Para maiores informações sobre assinatura da Bistro Box, acesse aqui o site e leia, pesquise, aposto que você irá se convencer logo logo a ter essa delícia em sua vida!

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você