Olá pessoal, tudo bem? As vezes, alguns filmes são lançados lá nos Estados Unidos e por não entrar no circuito de grandes lançamentos dos cinemas, não temos a devida publicidade. Este aqui é um desses filmes blockbusters, que vão dos estúdios direto para as locadoras e TVs por assinatura ao redor do mundo. Como sempre, um filme classicamente vendido como de humor, mas que surpreende quando paramos para assistir. Venham comigo que vou explicar o porque de indicar As Mil Palavras!

 

Vamos começar pela sinopse oficial? Um homem descobre que só tem direito a proferir mil palavras antes de morrer. Quais serão as suas últimas palavras? Há alguma forma de mudar o seu destino? “A Thousand Words” foi filmado em 2008 pelo realizador Brian Robbins (“Norbit”, “Meet Dave”) e guardado numa gaveta, depois de testes de audiência pouco mais do que desastrosos, e a sua publicação foi pensada para ser feita directamente em DVD. O elenco ainda conta com Clark Duke, Cliff Curtis, Allison Janney, Kerry Washington e Ariel Winter.

 

as mil palavras tree

 

A estreia foi feita em âmbito mundial e, honestamente, não sei se o mundo está preparado mais para filmes com algum tipo de profundidade, a não ser que tenham grandes efeitos visuais como o filme do momento As Aventuras de Pi (Life of Pi). Eddie Murphy não é conhecido no mundo todo como um ator de filmes dramáticos, mas, a maturidade faz milagres e nosso ator preferido dos anos 90, cheio de caras, bocas e trejeitos engraçaralhos resolveu embarcar em outra barcaça. O filme As Mil Palavras consegue ser engraçado sem ser besta demais, consegue ser profundo sem chegar a ser um drama completo e consegue ter a pitada certa de romance, sem ser uma comédia romântica.

 

as mil palavras arvore

 

Não posso contar muito do filme, na verdade, não posso contar praticamente nada, porque não quero dar spoilers sobre a história. Ela é em legal, bem divertida e focada em um só contexto e objetivo. Bom, fique com o trailer e dê um jeito de assistir ao filme, é bem legal!

 

 

Perfil Coxinha

Coxinha Nerd

Filmes vendidos como bobos, mas com profundidade!
A favor dos nerds e contra a tirania dos Kibes.
Facebook | Twitter