Posso te responder de cara: “Não, não vale a pena”. Fim de post. [risos] Brincadeiras a parte, não é para isso que estou aqui, e sim para contar o que achamos do filme, tecendo os pontos positivos e negativos do novo original Netflix, ‘A Princesa e a Plebeia – Nova aventura’ com Vanessa Hudgens, interpretando desta vez, não duas, mas sim três personagens. Ai então, cabe você decidir… Eu sou adepta a assistir sempre, independente do que me falem, pois gosto de tirar minhas próprias conclusões, é isso!

Quando foi anunciada a sequência, confesso que fiquei extremamente animada, afinal o primeiro é incrível e tem uma história interessante, com o toque natalino que obviamente amamos.

Infelizmente, a “maldição” das sequências recaiu sobre ‘A Princesa e a Plebeia – Nova aventura’ e a premissa simples e repetitiva tornou a produção sem graça e desnecessária.

Contextualizando, a sequência acompanha -novamente- a ex-confeiteira Stacy e Lady Margaret, a duquesa de Montenaro, que se reúnem novamente para a coroação de Margaret como rainha no natal. O Problema é que tal status, acabou por distanciar Margaret de seu amor, Kevin. Uma terceira personagem surge. Fiona, é a prima de Margaret que decide dar um golpe, trocando de lugar e assumindo seu lugar na coroação para roubar sua fortuna.

Por mais que a premissa soa interessante, o desenvolvimento é superficial e mal executado. Obviamente toda a relação de amor existente é de esquentar até o mais gelado dos corações, mas a partir do momento em que há a repetição de uma fórmula, com propósitos e uma conclusões completamente superficiais, torna a produção, quase que esquecível, ao ponto de me questionar a necessidade de um terceiro filme, já confirmado.

Em suma, esta sequência é quase tudo que você esperaria, de fato. Interiores de castelos de tirar o fôlego, flertes sutis, o espírito de natal, e brincadeiras descontraídas. E por mais genérica que soe, é divertido em muitos momentos… Contudo, podemos dizer com certeza que Vanessa Hudgens, definitivamente salva a produção.

Se ver Vanessa Hudgens em dose dupla no original, foi interessante, a terceira versão da atriz foi o gás que a sequência precisava, principalmente por ser algo totalmente diferente do que a atriz, costuma nos entregar em seus trabalhos.

No mais, com mais pontos negativos do que positivos, ‘A Princesa e a Plebeia – Nova aventura’ é um escapismo divertido, com todos elementos que uma comédia romântica de natal pode te oferecer, no entanto sem nada de novo.

A Princesa e a Plebeia: Nova Aventura já está disponível na netflix