Quem mora em uma cidade que tem o precioso Supermercado Guanabara sabe que este é o esperado mês de aniversário. As promoções e os anúncios começaram no dia 19 de outubro (sexta feira passada) e vai até o dia 18 de novembro. Não vou negar que as promoções são boas, na verdade, a grande maioria é muito boa mesmo. Produtos com 50% e as vezes até mais descontos! É impressionante. Mas o que é mais impressionante não é o preço das coisas e sim o evento que as pessoas fazem para ir ao Guanabara nesta época!

Para começar, o mercado abre as 8 horas da manhã, mas se você passar na porta dele as 6h, a fila gigante já estará formada! É sério! Tem gente que madruga e até aluga lugar na fila para entrar no mercado, é absurdo assim. Depois que o mercado abre, é um desespero, um corre corre, e já fica a dica: se você chegar por lá depois das 10h da manhã, prepare-se para correr atrás de um carrinho no estacionamento mesmo. Você terá que seguir as pessoas para conseguir um mísero carrinho.

Depois, você verá as promoções, os produtos acabando, o anunciante gritando no microfone, velhinhas e crianças correndo de um lado para o outro co mais de 10 caixas de sabão em pó, engradados e engradados de refrigerantes e a decepção de inúmeras pessoas quando percebem que o açúcar simplesmente acabou! O melhor de tudo não é isso, e sim ser derrubado e empurrado mais de duas vezes no chão e pelas estantes dos corredores do mercado. É ver que tem gente idosa por aí muito mais esperta que você e perceber que em um ambiente desses, você não pode ser bonzinho, porque senão você, literalmente, se ferra e muito!

Alguma semelhança?

apocalipse zumbi

Quando eu estava no mercado Guanabara da minha cidade – sim, eu fui no domingo as 10h da manhã – parei por alguns minutos no meio do caos e pensei: “Se o apocalipse zumbi começar agora, estou preparada!”. É sério gente, no meio daquela maluquice toda, não existem regras, não tem respeito ao próximo, nada, absolutamente nada de certo acontece por ali. É instinto de sobrevivência de verdade! E como eu estava despreparada para o caos, levei dois tombos, fui empurrada por velhinhas enlouquecidas trocentas vezes e cogitei algumas atitudes bem agressivas para o meu temperamento.

É incrível o que as pessoas são capazes de fazer por uma lata de óleo ou por um pacotinho de sabão em pó. Aconteceu um fato engraçado comigo lá: eu estava perto das verduras e legumes pegando um ar (porque era o único lugar vazio no mercado) e de repente o cara do microfone com sua voz de Silvio Santos resolveu anunciar a promoção do refrigerante Guaraná Antártica de 3,5 litros.

Quando eu percebi, os caras com a empilhadeira cheia de engradados estava parando na minha frente. Foi questão de segundos, eu fiquei igualzinha ao Rick na cena da imagem acima do primeiro episódio de The Walking Dead – era tanta gente em volta de mim e pulando meu carrinho que eu simplesmente me abaixei e esperei o guaraná acabar da pilha. Quando acabou, as pessoas sumiram na mesma rapidez que apareceram ali. Incrível. E eu sobrevivi!!! Já posso dizer que estou preparada mesmo para situações de pânico do mundo pós apocalíptico, e sinceramente, vou apenas comprar minha besta leve agora, porque ninguém mais me segura!!!!