♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ Criiiisto Redentor…Braços abeeeertos sobre a Guanabaraaaaa ♪ ♫ ♪ ♫ ♪ ♫ Parabéns ao nosso querido Cristo Redentor e a todos os cariocas pelo 80º aniversário daquele que está sempre de braços abertos para todos nós! Vou colocar abaixo algumas curiosidades sobre a história e o projeto do cartão-postal mais conhecido do Brasil. (Fonte: terra.com.br)

O Cristo Redentor, braços abertos em forma de cruz, olhar sereno e acolhedor, foi idealizado pelo engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa com desenho do artista plástico Carlos Oswald. O projeto foi uma evolução da proposta de Heitor aprovado pelo Círculo Católico em 1923. Nele, o Cristo teria um globo representando o mundo na mão direita e uma cruz junto ao corpo, do lado esquerdo. O engenheiro levou a maquete para Paris, onde o arquiteto Albert Caquot realizou os cálculos estruturais, e o escultor Paul Landowsky modelou a cabeça e as mãos da estátua.
A 710 metros do nível do mar, o morro do Corcovado, ou Pináculo da Tentação, como era chamado na época do Império, é visto de praticamente todos os lugares do Rio de Janeiro. Esse foi o principal motivo para a construção do Cristo lá. O morro do Pão de Açúcar, onde fica o Bondinho, e o morro de Santo Antônio, onde se localiza o Convento de Santo Antônio, eram os concorrentes. A presença imponente de um símbolo religioso em um ponto de destaque da cidade mostraria a presença da igreja mesmo diante da separação do estado, que ocorreu em 1891.
A Estrada de Ferro do Corcovado foi inaugurada por Dom Pedro II em 1885, 61 anos após o pedido de Dom Pedro I, que havia se deslumbrado com a vista. Com 3.824 metros de trilhos morro acima, a ferrovia facilitou o transporte do material para a construção do Cristo até o topo do morro. Somente em 1910, os trens deixaram de ser a vapor. Até hoje trens ligam a estação do Cosme Velho ao topo do morro.
Em 2007, o Cristo Redentor foi eleito uma das sete maravilhas do mundo moderno em um concurso promovido pela fundação suíça New Seven Wonders. Cerca de 100 milhões de votos através da internet e de mensagens de telefone celular foram contabilizados. As outras seis maravilhas são o Taj Mahal, na Índia, a Grande Muralha da China, a cidade de Petra, na Jordânia, o Coliseu, na Itália, as ruínas de Machu Pichu, no Peru, e a cidade maia de Chichen-Itza, no México. Ficaram de fora monumentos como a Estátua da Liberdade, nos Estados Unidos, a Torre Eiffel, na França, e a Acrópole, na Grécia. Visite o site do Terra e faça uma visita virtual ao Cristo Redentor aqui!