A Amazon é a maior loja de compras virtuais do mundo, oferecendo uma enorme gama de produtos. Agora ela quer entrar no mundo físico e vai abrir um supermercado tecnológico e inovador nos EUA, onde não precisaremos esperar em filas, interagir com caixas ou mesmo tocar em nossa carteira.

O site é mundialmente conhecido pela sua diversidade de opções, que vão desde comida importada até robôs, em sua versão americana. Em 2012 a empresa abriu sua filial no Brasil, mas vende somente livros físicos e digitais.

Em 2015 a Amazon lançou sua primeira empreitada no mundo físico, abrindo uma livraria própria em Seattle, EUA, chamada Amazon Books. Com conceitos diferentes, como utilizar o feedback real e virtual para definir quais produtos estarão em seu estoque, o projeto deu certo e trouxe um desejo à companhia de expandir a ideia.

Agora a novidade é um supermercado, chamado de Amazon GO, com produtos do dia a dia que encontramos em redes famosas do Brasil como Extra e Pão de Açúcar. A grande diferença será a autonomia dos clientes: eles não precisarão interagir com ninguém mesmo.

Ao entrar na loja você utiliza seu smartphone pra se identificar. Em seguida, basta ir até as prateleiras desejadas, colocar os produtos na sua própria sacola ou bolsa e simplesmente ir embora, sem precisar passar mais nenhum cartão ou pagar nada em dinheiro na hora.

As prateleiras contam com sensores avançados, além de inteligência artificial e visão computacional. Ao buscar suas compras, a tecnologia te identificará por meio de reconhecimento facial ou talvez alguma conexão com seu smartphone (isso ainda não foi divulgado pela empresa). Sensores saberão qual ou quais produtos você retirou da prateleira e adicionarão esses produtos em seu carrinho virtual. Ao sair da loja, sua conta é fechada e o total é debitado de seu cartão vinculado à sua conta da Amazon. Caso você desista de levar um produto, as prateleiras também reconhecerão que você o devolveu e retirarão o mesmo de seu carrinho virtual.

Entenda melhor no vídeo divulgado pela empresa:

https://www.youtube.com/watch?v=NrmMk1Myrxc

Além de toda a praticidade para os clientes, a segurança também será afetada. Basicamente não será necessário nenhuma presença humana para garantir que nenhum produto seja roubado, já que só será possível entrar na loja se identificando com sua conta Amazon, e a partir daí tudo que for retirado das prateleiras já será cobrado automaticamente de seu cartão.

A Amazon GO já está aberta em Seattle, mas apenas funcionários da empresa podem usufruir do estabelecimento por enquanto. A Amazon, porém, pretende abrir a loja para todo o público já no início de 2017. Ainda não há informações sobre a expansão da ideia para outros lugares nos EUA ou em outros países.

Leia mais sobre Tecnologia