A nova cama do Luke!

-por , em 21/09 -
A nova cama do Luke!

Olá Coxinhos, tudo bem? Antes de mais nada, vocês já conheceram o Luke através do nosso primeiro vídeo das Artimanhas de um filhote? Não perca seu tempo e corra lá para ver como nosso pequenininho é arteiro! E não esqueça de ver nossa coluna completa com a história do crescimento do Luke e algumas dicas bem legais sobre como adestrar seu cãozinho através do Método Clicker.

 

Então, essa semana foi meio corrida e eu não consegui relatar quase nada sobre nosso pequeno Luke, mas hoje estou aqui para atualizar vocês. No final de semana meus pais vieram nos visitar e adivinha o que eles trouxeram? Esta linda caminha no modelo Calçadão de Copacabana para o metido neto-filhote. Pois é… Ele tem ganhado alguns presentinhos que podem (e muito) ajudar no crescimento saudável e no bom treinamento que estamos tentando fazer.

 

A caminha foi providencial já que o Luke estava sofrendo um pouquinho com a falta de identificação de um lugar para ele. Percebemos que ter a caminha o tornou mais tranquilo para dormir durante toda a noite – verdade! – ele não late mais nem uma vez durante toda a noite… E como faz parte do adestramento (isso vocês vão ver depois) tirar a comida dele para que possamos recolocá-la de manhã, quando marca 6h00 em ponto, o Luke acorda com a corda toda! Mas pelo menos agora todos dormimos em paz e a noite inteirinha! #ufa

 

luke

 

Como vocês podem ver nas imagens desse post, o Luke já cresceu bastante nas últimas 03 semanas e hoje ele completa 58 dias! Sim, estamos contando nos dedos pois não vemos a hora de poder levar ele para passear… Percebemos a energia acumulada por ficar apenas dentro de casa e queremos que ele seja bem feliz e saudável, por isso…Rumo às últimas doses das vacinas e vermífugos né?
Mas continuando, depois de ganhar a caminha o Luke ficou mais tranquilo e já se acostumou 100% com a nossa rotina. Mas ainda tínhamos um pequeno problema. Precisávamos fechar a área de serviço para que ele não ficasse mais preso aos 3 metros de corrente que colocamos para ele – isso estava acabando comigo. No sábado compramos o portãozinho que vende em todas as Pet Shops e instalamos na porta da nossa área. Soltamos o Luke e o que aconteceu? Ele passou por todos os vãos do portão. Porque ele só é peludo, mas é magro magro…rsss…

 

Passamos por uns dois ou três dias de adaptação, colocando plástico – ele comeu e fugiu furante o dia enquanto estávamos no trabalho (fugiu pra sala/quarto/escritório, fazendo tudo o que um cãozinho filhote pode ser capaz de fazer); enfiou a cabeça para testar todos os vãos; vomitou no portão para chamar atenção; enfim…ele tentou…mas somos mais inteligentes que ele e por isso, colocamos umas telas de plástico em todos os vãos e protegemos melhor o lugar! Resultado: Luke hoje fica dentro da área de serviço sem reclamar, brincando, feliz e sorridente. Ele está mais tranquilo e muito mais satisfeito por não estar preso à coleira! *_* Meta alcançada!

Cris Siqueira
por

Cris Siqueira

Nerd, administradora, RPGista, apaixonada por gastronomia, curiosa sobre todos os assuntos e acha que Darth Vader é Deus. Gasta seus “bons tempos” escrevendo, lendo, vendo seriados e viajando. Reza todos os dias para tirar sempre 20 nos dados e nunca morrer no meio de uma batalha!

Recomendamos para você