Olá novamente, meus queridos! Na semana passada eu falei de cinco museus que valem a pena ser conhecidos aqui em São Paulo, razão pela qual essa semana estou de volta, falando de mais cinco! Como declarei no post anterior, passeios culturais só nos enriquecem, mas se você só quer dar uma voltinha, também há atividades nada culturais nestes locais, que podem ser desfrutadas, como os parques e cafés. No geral, esta seleção é um passeio bem fácil de se seguir quando se visita o centro velho de São Paulo, visto todos estes pontos serem próximos, é bem fácil ir a todos em uma tarde. Então vamos lá? Com certeza vale a pena conhecer! 😉

azulejos

PATEO DO COLLEGIO

Localizado bem no centro da cidade, o Pateo do Collegio sobrevive em meio aos arranha-céus, bancos e indústrias da capital. També, contando com quase 450 anos de muita história, o Pateo abriga diversos eventos, casamentos, assim como o museu de arte sacra, a cripta de José de Anchieta (que na verdade não está lá, a cripta foi feita para ele, mas não foi usada e hoje abriga exposições), a igreja no local onde foi realizada a primeira missa da cidade, a biblioteca temática e, ainda, diversos projetos sociais, como o Centro Loyola, o projeto OCA e o projeto EMBU.

Já visitei algumas vezes. O lugar é ideal para quem quer um tempo de tranquilidade, contando com um jardim e um café com mesas ao ar livre, bastante sombreado por árvores e de onde se pode ver o Vale do Anhangabaú.

Localização: Praça Pateo do Collegio, 2 – Centro, São Paulo – SP, Tel: (11) 3105-6899

Mais informações: http://www.pateocollegio.com.br/

azulejos

SOLAR DA MARQUESA DE SANTOS

A Marquesa de Santos, Domitila de Castro Canto e Melo, foi a proprietária deste imóvel entre 1834 e 1867. Contam-se das famosas as festas ali realizadas, que tornou o imóvel conhecido como Palacete do Carmo, uma das residências mais aristocráticas de São Paulo. Em 1909, o imóvel foi adquirido pela The São Paulo Gaz Company, que nele instalou o seu escritório, realizando diversas mudanças na estrutura interior do mesmo.

Já o visitei e apreciei bastante! Ao lado (olhando para a foto, há um portal com um portão) encontra-se o chamado “Beco do Pinto” e logo após este, “A Casa Número Um“. E a poucos metros adiante, o Pateo do Collegio. (não falei que era tudo pertinho? 😉 )

Localização: Rua Roberto Simonsen, 136 – Sé, São Paulo – SP, Tel: (11) 3241-1081

Mais informações: Solar da Marquesa

azulejos

mosteiro de são bento

MOSTEIRO DE SÃO BENTO

O Mosteiro de São Bento localiza-se no Largo de São Bento e é um dos edifícios históricos mais importantes da cidade, formando um conjunto com a Basílica Abacial de Nossa Senhora da Assunção, o Colégio de São Bento e a Faculdade de São Bento. Encontram-se lá os restos mortais do bandeirante Fernão Dias Pais, que ficou famoso como “caçador de esmeraldas, pois em troca do apoio financeiro concedido por ele, os monges lhe concederam o privilégio de ser sepultado na capela-mor da igreja do mosteiro.

O mosteiro foi um dos locais onde o atual papa se hospedou em sua visita ao Brasil, pois ele é oriundo da mesma ordem.

Aos domingos é possível participar das missas, por vezes com canto gregoriano, e no ultimo domingo de cada mês, do Brunch no refeitório dos monges.

Localização: Largo de São Bento, s/nº – Centro Velho – São Paulo – SP, Tel: (11) 2440-7837

Mais informações: http://www.mosteiro.org.br/

azulejos

catedral da sé

CATEDRAL METROPOLITANA DE SÃO PAULO (CATEDRAL DA SÉ)

Sendo um dos pontos turísticos mais conhecidos do centro velho, a Catedral Metropolitana de São Paulo, mais conhecida como Catedral da Sé, teve sua construção original terminada no ano de 1612. Mas a deterioração do prédio e a mudança da Capitania de São Paulo de vila para cidade, levaram a demolição do prédio original e a construção da catedral gótica como a conhecemos hoje.

Podemos encontrar vitrais nacionais fabricados pela Casa Conrado e, europeus, feitos por grandes artistas como Quentim, Avenali, Fontana e Max Ingrand. O carrilhão de sinos, localizado nas torres da Catedral, é um dos maiores do Brasil, com 61 sinos sendo 35 acionados eletronicamente. O orgão foi fabricado na Itália e é considerado o maior órgão da América do Sul, com cinco teclados manuais e cerca de 12 mil tubos com entalhes a mão, em estilo gótico. Mas uma das atrações principais é a a cripta, inaugurada em 1919, que conta 30 câmaras mortuárias destinadas a bispos e arcebispos, além de guardar os restos mortais do cacique Tibiriçá e do padre Feijó, Regente do Império.

Em minhas visitas, apreciei ver os detalhes dos vitrais e da construção, pequenos entalhes e detalhes espalhados pela catedral tem significados diversos! Se tiver a oportunidade de uma visita monitorada, eu recomendo!

Localização: Praça da Sé, s/nº – São Paulo – SP, Tel.: (11) 3107-6832

Mais informações: http://www.catedraldase.org.br/

azulejos

centro cultural banco do brasil sp

CENTRO CULTURAL DO BANCO DO BRASIL – SP

O CCBB São Paulo ocupa o prédio construído em 1901, localizado no coração histórico da cidade, numa via hoje de pedestres. O edifício foi comprado em 1923 pelo Banco do Brasil. Em 1927, após uma reforma projetada pelo arquiteto Hippolyto Pujol, tornou-se o primeiro prédio próprio do Banco do Brasil na capital. Inaugurado em 21 de abril de 2001, o CCBB São Paulo é o terceiro museu/centro cultural mais visitado no País e o 65º no mundo, de acordo com o ranking da publicação inglesa The Art Newspaper (abril/2013).

Este é um dos poucos lugares por onde minha passagem foi muito rápida, não pude visitar mais que o saguão principal, mas ainda retornarei para essa visita! Quem sabe não nos encontramos por lá, hein? 😉

Localização: Rua Álvares Penteado, 112 – Centro, São Paulo -SP, Tel : (11) 3113-3651

Mais informações: http://culturabancodobrasil.com.br

azulejos

Até a próxima, com mais dicas de passeio na Terra da Garoa!

Compartilhe: