QUEM DISSE QUE VOCÊ NÃO É UM SER HUMANO BIZARRO?

Ahhh, a modernidade! Graças a ela, nós temos tantas comodidades hoje em dia, não é mesmo?  São parte de nossas necessidades diárias vários objetos, apetrechos, equipamentos e até mesmo comidas. Mas você sabia que nem sempre as coisas foram assim? Não? Pois é! Existe uma série de itens que, originalmente, foram desenvolvidos com um objetivo beeem diferente.

Nós separamos uma lista de alguns deles pra você! Dá só uma olhada:

DEDO DO MEIO

Mostrar este dedo a alguém é considerado uma ofensa, mas ninguém ao certo entende o motivo. A primeira aparição conhecida do “dedo do meio” é em 4 A.C. – o filósofo Diógenes foi o primeiro a utilizá-lo, acompanhado de outros dois dedos enrolados nos lado, simbolizando testículos. O motivo? Era uma crítica a um discurso que ouvia. Como esperado, a ideia da ofensa logo se espalhou, aparecendo até em peças de teatro.

WI-FI

Quem nunca ouviu ou soltou a clássica frase “Você sabe a senha do Wi-Fi?” que atire a primeira pedra. Sendo uma das ferramentas mais utilizadas do mundo, a conexão sem fio foi originalmente inventada com um propósito científico: encontrar buracos negros.

John O’Sullivan leu a teoria de Stephen Hawking sobre como buracos negros, ao evaporarem, emitiriam ondas de rádio. Apesar de complicado, deveríamos ser capazes de detectar o fenômeno aqui no nosso planeta. Sullivan levou anos desenvolvendo uma ferramenta matemática para encontrar os sinais de buracos negros. Levou mais algum tempo observado o espaço atras das provas para seu experimento, sem sucesso.

Em 1992, ele se juntou a uma empresa que queria desenvolver uma conexão de rede sem fio para PC. Ele apresentou a ferramenta que tinha desenvolvido, que é adotada e combinada com conhecimentos da própria empresa e, desta brincadeira surgiu o que conhecemos como a nossa internet wireless.

ESTEIRA

Apesar de ser um dos principais aparelhos de academia, a história da esteira faz jus ao pensamento de muitos quando estão utilizando uma: “Que tortura!”. Quando construídas, em 1818, elas eram bem simples e feitas na forma de um cilindro de madeira. Em cima dela, criminosos eram obrigados a ficar andado por até 10 horas seguidas, como punição durante o tempo de cárcere. Para completar a humilhação, quando descobriram que o equipamento servia para movimentar rodas d’agua e moedores, passaram a usar os presidiários como fonte de energia barata!

ESCULTURAS DE BALÃO

Quem, quando criança, não gostava de brincar com bichinhos e espadas feitas de balões? A primeira escultura utilizando a borracha foi feita pelo primeiro palhaço, Henry Maar. O que ele não sabia era que esta prática já havia sido realizada muitos anos antes, pelos Astecas! Mas não pense que era algo bonito e por diversão. Os animais de balões astecas eram feitos com intestinos de gato secos. Além disto, a intenção era oferta-los aos deuses em um ritual onde seriam queimados.

ALFACE

O alface nosso de cada dia, essencial aos amados hambúrgueres, originalmente era considerado um afrodisíaco. Ele é cultivado pela humanidade a mais de 5000 anos. Os egípcios, primeiros a utilizar a planta que temos conhecimento, aprenderam a extrair um líquido branco leitoso de suas folhas. Por esse motivo, acreditaram ser um impulsionador dos desejos sexuais. O mais esquisito de tudo, é que eles criaram o Deus Min como o Deus do alface. Por que poucos de nós sabíamos da existência dele? Porque além de curioso, este Deus só é retratado com uma grande ereção. Nada muito apropriado aos livros de escola, não é mesmo?

Veja mais sobre Curiosidades