Há 30 anos Ferris Bueller matou aula epicamente!

-por , em 05/06 -
Há 30 anos Ferris Bueller matou aula epicamente!

Se você foi criança ou adolescente nos anos 80, certamente se sentou durante muitas tarde na sala pra assistir a Sessão da Tarde. E se você assistiu, claro que ficou preso na ilha com o casal naufrágo do muito inédito de Lagoa Azul, foi esquecido em casa com Macaulay Culkin, procurou desesperadamente por Susan, nadou fazendo “splash” com uma sereia em sua vida, correu com Herbie e foi um tira no jardim de infância… MAS, com certeza, o que você mais curtiu e sentiu vontade de fazer, foi matar aula de forma tão épica quanto Ferris Bueller em Curtindo a Vida Adoidado!

E hoje, eu me sinto um pouquinho mais velhinha, porque está fazendo 30 anos que Ferris empreendeu essa fuga épica de um dia de escola! Não, você não leu errado! Realmente já faz todo esse tempo, mesmo parecendo que foi ontem… Sabemos isso graças a uma investigação incrível feita por Baseball Prospectus, que em 2011 conseguiu rastrear o jogo exato que Ferris, Sloane e Cameron estavam assistindo no Estádio de Baseball  Chicago Wrigley Field (Cubs contra o Braves, 5 de junho de 1985),  ao analisar quem estava no campo e como eles se saíram em cada turno.

Mas, fala a verdade! Você bem que queria não é? E ficou com inveja dele! Bem, EU FIQUEI! Não vou mentir! Mas quem não ficaria? Ele enganou todo mundo, fazendo acreditarem que estava doente, saiu pra dar um rolê numa tremenda Ferrari, passeou por toda Nova York, cantou em uma parada e não foi pego! Aliás, a cena da parada é uma das  mais conhecidas do mundo, né?

Mas como nós, meros mortais, nunca conseguiremos repetir tal proeza, ao menos podemos cantar “I recall Central Park in fal” no chuveiro como ele e, desejar parabéns a ele se tornar uma grande lembrança em nossas vidas!!!

*Sai cantando Twist And Shout*

Luciana Fogo
por

Luciana Fogo

Chocólatra assumida, sou também uma viciada em livros e totalmente capaz de virar a noite com uma boa história! Mas o meu maior amor é ter INFORMAÇÃO! Pergunte que eu descubro!

Recomendamos para você