O MESTRE STEPHEN KING INVADIU A NETFLIX!

Depois do filme Jogo Perigoso (Gerald’s Game) ter entrado no catalogo da Netflix, criei expectativa de que as adaptações do mestre Stephen King no catálogo não acabariam por aí. Para minha surpresa o streaming decidiu adaptar 1922 – conto do livro “Escuridão total sem estrelas”. Já posso falar, inclusive que, como sempre, a Netflix não decepcionou!

1922 é ambientado no ano que dá nome ao conto e conta a história de Wilfred (Thomas Jane, de O Nevoeiro), um fazendeiro do Nebraska que vive em sua propriedade ao lado da esposa, Arlette (Molly Parker, de Pequenos Delitos) e do filho adolescente, Henry (Dylan Schmid).  Na trama, Wilfred desgosta da ideia de sua esposa Arlette querer tentar vender a fazenda em que moram e mudar para a cidade grande. Quando Wilfred percebe que não vai conseguir convencer a esposa a permanecer no campo, ele decide mata-lá com a ajuda de Henry, para que ambos possam continuar a viver suas vidas na fazenda que tanto amam. OMG!

Mas é claro que nem tudo sai perfeito, o jovem Henry começa a perder completamente a noção entre o certo e o errado e o próprio Wilfred começa a ser assombrado pelo suposto fantasma da falecida mulher. Temos aqui uma história sobre fantasmas (ou não) que vai desequilibrar Wilfred com uma mistura de loucura e desconfiança. Wilfred terá que embarcar em uma jornada capaz de devorar sua alma, sua punição vem da sua escolha ao caminhar em direção a sua própria danação.

Escrito e dirigido por Zak Hilditch, o filme intercala seu ritmo, mas vai desabrochando e mostrando aquela essência que só a mente de Stephen King é capaz.

Que outros contos ou história do Mestre você acha que a Netflix deveria adaptar?

Veja mais sobre Netflix e Filmes
Compartilhe: