MAS CADÊ AS MULHERES?

As redes sociais e plataformas como o YouTube mudaram para a sempre a forma como comunicamos.

Com o surgimento da figura do creator (criador de conteúdo para a internet), que atinge índices audiência muitas vezes mais significativa do que a TV, o jogo virou e a mídia mainstream passou a prestar atenção nestes comunicadores, que de pessoas comuns, se tornaram extremamente relevantes e cobiçados por marcas.

Fred Furtado, fundador e CEO da Tubelab, empresa pioneira no segmento e principal analista deste novo mercado dos criadores de conteúdo e influenciadores, elaborou uma lista com os 10 maiores criadores de conteúdo do Brasil. Confira:

Foram levados em consideração somente contas e canais verificados do Youtube e Instagram.

“os criadores de conteúdo nativos das redes sociais são um fenômeno de engajamento e tem conseguido fazer frente no que tange a alcance e aceitação popular a grandes nomes consagrados pela mídia tradicional, cantores, artistas, globais. Hoje não é preciso ter um programa na TV para alcançar o grande público. É a democratização da fama. Se você tem uma boa ideia e está disposto a trabalhar por ela na internet, é possível ter sucesso”. – Falou Furtado.

Sentimos falta de creators do sexo feminino, sabemos que existem muitas e de grande relevância, mas porque não estão na lista?

Será que se trata do reflexo do consumo da sociedade?

Conta aqui para gente, qual é seu creator favorito!